Prepare-se para uma reviravolta na sua vida: seu corpo está se transformando, os hormônios afetam seu humor e você pode estar com a sensação de que está tudo acontecendo rápido demais e ameaçando abalar de vez cada cantinho seu.

Mesmo quando a gravidez é planejada, muitas mães se veem tomadas por preocupações intensíssimas em relação ao futuro. É normal sentir-se amedrontada com o parto e as futuras noites mal dormidas, inquietar-se com as responsabilidades financeiras que aumentarão, fantasiar não ser mais desejada nem querida pelo pai do bebê ou, mesmo, ficar em dúvida sobre a capacidade pessoal de ajudar uma criança a se preparar bem, entre tantas outras questões essenciais. Sem contar o peso de ser responsável por um outro ser humano, pelo restante da vida.

Em todas as dimensões da vida humana: corporal, mental, espiritual, familiar e social, tudo aos poucos vai se modificar de um jeito que, antes, nem parecia possível! Com tantas e tais mudanças em tão pouco tempo, aos poucos você vai poder compreender quais são elas e como pode se preparar para lidar com todas de um modo mais felicitador, seguro e confiante. Assim, não estranhe se num dia você se sentir radiante e, no instante imediatamente após, você pensar: “e agora, como vou encarar isso?”

Todos esses questionamentos são naturais, principalmente no início. Fique tranquila, a natureza é sábia e não é à toa que a gestação é longa, embora tenha só 9 meses. Sabemos que há momentos que parecem intermináveis e, outros, que não pareceram durar nada: na gestação, você terá 390 mil minutos para ocupar seu pensamento! Então, o melhor a fazer é acolher todas as dúvidas que surjam e tratá-las carinhosamente ao longo do período.

Conversar com as outras mães, dividir as expectativas e ansiedades com o pai da criança, fazer perguntas ao seu médico obstetra – muitas! –, ler tudo o que puder sobre o assunto, praticar atividades físicas ou de relaxamento regulares e até tentar só pensar positivo, em meio aos muitos temores bem ou mal disfarçados, vão ajudar a deixar a gestante cada vez mais segura e preparada para assumir o papel de mãe, que daqui a pouco chegará. Nada há de novo sob o sol!

Compartilhe!