Loading...

Como Dormir Melhor?

Ter uma noite inteira de sono vai ficando cada vez mais difícil ao longo da gravidez. O crescimento da barriga dificulta encontrar uma posição confortável. Sem contar as dores nas costas e a vontade de ir ao banheiro, que fazem você acordar várias vezes durante à noite.

Diabetes Gestacional

Além de causar muitas mudanças no seu corpo, a gravidez também pode ocasionar algumas doenças típicas da gestação. Uma delas é a diabetes gestacional, quando as taxas de açúcar ficam além do considerado normal. E saiba que uma mulher que nunca teve diabetes pode apresentar o problema durante a gestação, pois o corpo da mãe passa a preservar glicose para dar alimento ao bebê.

Seu Corpo no 1° Trimestre

Acompanhe semana a semana todo as transformações surpreendentes no seu corpo. Primeiro Trimestre. 1ª semana. São 40 semanas de gestação ou 280 dias. A data provável do seu parto será calculada a partir do primeiro dia de sua última menstruação, que será anotado como DUM em seu prontuário pré-natal.

Seu Corpo no 2° Trimestre

Acompanhe semana a semana todo as transformações surpreendentes no seu corpo. Segundo Trimestre. 14ª semana. Agora sua barriga já é notada e, durante este trimestre, você pode engordar em média 5,4 kg, dos quais 900 g serão do bebê. Esse é o momento de planejar e preparar os aspectos mais práticos da gestação como o enxoval e a decoração do quarto do bebê, tarefa que traz muito prazer às mamães. Com o retorno da disposição, essa é a hora para bater perna. Lembre-se que no terceiro trimestre a barriga vai estar grande, dificultando a locomoção. Aproveite e vá às compras.

Seu Corpo no 3° Trimestre

Acompanhe semana a semana todo as transformações surpreendentes no seu corpo. Terceiro Trimestre. 28ª semana. A aproximação do seu útero - agora a cerca de 8 cm do seu umbigo - junto à caixa torácica vai dificultar a sua respiração. Conforme sua barriga cresce, aumentam as dores e a dificuldade de locomoção. Movimentos que antes você conseguia fazer facilmente agora exigem muito mais esforço, por isso, tenha paciência e tente se acostumar com essa nova realidade. Nessa fase, algumas mães reclamam de sangramentos no nariz e sensação de entupimento das narinas. Relate esses incômodos ao seu médico.

Sentimentos Ambivalentes

Toda gestação é um evento especial e deveras marcante na vida da mulher, dando origem a alterações hormonais e corporais que preparam o organismo materno, corpo e mente, para gerar um novo ser humano, em meio a incessantes e intensas alterações físicas, psicológicas e sociais.

Queixas Frequentes

Por mais normal que seja uma gestação, a maioria das gestantes viverá algum nível de desconforto ou mal-estar, já que o corpo inteiro está se alterando e trabalhando para gerar uma nova vida.

Sinais de Alerta

A maioria das grávidas passa pelos 9 meses de gestação sem apresentar problema sério algum. No entanto, ocasionalmente acontecem complicações que podem colocar em risco a gestação e o bebê. Felizmente, se elas forem detectadas a tempo, podem ser tratadas com sucesso.

Problemas Menos Comuns

As alterações fisiológicas da gravidez produzem manifestações sobre o organismo da gestante que, muitas vezes, são interpretadas como sendo “doenças”. No entanto, os sintomas são ocasionais e transitórios, não refletindo, em geral, patologias mais complexas. A maioria dos sinais diminui ou desaparece sem o uso de medicamentos, que devem ser evitados ao máximo durante a gestação. Comente tudo, sempre, com o seu médico obstetra.

Riscos da Gravidez

Conheça as doenças mais comuns que algumas grávidas podem sofrer. Ao menor sinal de um problema, comente como o seu médico. O sintoma pode ser um alerta para complicações mais sérias, que exigem tratamento e, em muitos casos, atendimento imediato.

Gestação Múltipla

Foi-se o tempo em que ter gêmeos era uma raridade. A gestação múltipla é uma realidade cada vez mais comum nos dias de hoje e só vem crescendo no mundo todo: 79% nos Estados Unidos, entre 1980 e 2014, e 28,5% no Brasil, entre 2010 e 2014.

Gestação Prolongada

Seu bebê está formado e pronto para vir ao mundo na 40ª semana. Os nascidos antes da 37ª semanas são considerados prematuros, e entre 40 e 42 semanas, a gestação é chamada de prolongada. E após a 42ª semana, ela é classificada como pós-termo. Segundo dados do Ministério da Saúde, a incidência da gestação prolongada é em torno de 5%.