PAGE-TYPE=single

Dança e outros exercícios que auxiliam no trabalho de parto

Conheça as técnicas e acompanhe as dicas do obstetra para relaxar no parto
0 Comentários

Bem no final da gestação, é normal que a mulher se sinta mais cansada e desconfortável, principalmente para caminhar, respirar e dormir. A partir da 37a semana de gestação pode acontecer o trabalho de parto que pode durar até 24 horas. Para auxiliar a mulher nesta etapa, existem vários exercícios, como a  dança, que visam melhorar a postura da gestante, minimizar a dor e diminuir a ansiedade.

+Chegou a hora do parto?

Segundo o obstetra Mário Macoto Kondo, da Maternidade Pro Matre Paulista, os exercícios, realizados da forma mais adequada possível, fazem com que o trabalho de parto ocorra tranquilamente.

“Com isso, o processo tem menos dor e estresse. A dança, por exemplo, é uma forma lúdica de envolver a gestante em um momento tão importante da vida dela, e isso traz benefícios para a mãe e o bebê. Cada gestante pode escolher algum exercício que seja adequado ao seu perfil”.

+ Conheça as etapas do trabalho de parto

No trabalho de parto, é imprescindível prezar pela segurança da mãe e do bebê e manter a gestante sob cuidados de uma equipe multiprofissional. Confira abaixo algumas sugestões de exercícios do obstetra:

Dança

As grávidas que praticam os exercícios de dança podem alongar grupos musculares e relaxar outros, movimentar o quadril para ajudar na descida do bebê, treinar respiração (inspirar e expirar). A técnica lúdica provoca relaxamento na gestante, porém, é importante não exagerar nos passos e não fazer esforços brutos e desnecessários.

 

 

Bola de Pilates

Apesar de ser uma das ferramentas mais básicas para quem deseja ter um parto normal, os movimentos sobre a bola devem ser orientados para cada período do parto.

 

 

Agachamento

A técnica é ótima e ajuda no encaixe do bebê, para que a dilatação aconteça com mais rapidez.

Música

Quem não é muito fã da dança, pode optar pela música ambiente, que, por ser mais amena, tira a ansiedade e deixa a gestante mais calma.

Banheira

Outro método que causa relaxamento, concentração e minimiza os desconfortos do parto é utilizar a banheira com água morna.

+Parto na água: acompanhe os detalhes o depoimento de uma mãe 

Caminhada

É ótimo para melhorar a circulação, mesmo que a gestante caminhe em um pequeno espaço, pois a atividade ajuda a empurrar o bebê em direção ao canal vaginal, devido à movimentação do corpo da gestante.

Cavalinho

Aparelho comum utilizado nas maternidades, para ajudar no relaxamento, na descida e aumento da dilatação e na diminuição da dor.


Fonte: Mário Macoto Kondo, obstetra da Maternidade Pro Matre Paulista (CRM: 34.492)

 

Deixe o seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *